Arquivo | Novembro, 2011

Mundo faz de conta no Ibira

25 Nov

Pode ir sem bike, sem tênis, sem qualquer preparo, que a diversão é garantida no Ibira.

Desde pequena freqüento este parque e adorava brincar por entre as árvores, imaginando passagens secretas e fingindo que o grande jardim à frente fosse o quintal de nosso castelo. Quanta imaginação! O mais gostoso é permitir que as minhas pequenas possam viver este momento mágico, longe dos DSi`s da vida, Wii entre outros gadgets da vida moderna de uma criança. Aqui neste, como em qualquer outro parque elas não precisam de nada, a não ser de uma boa imaginação.

Tenho aproveitado as tardes de sol e fujo para levar minhas sereias, princesas, chapeuzinhos à este mundo do faz de conta.

Este slideshow necessita de JavaScript.


Um Natal com a Barbie

24 Nov

Estes dias fiquei super ocupada procurando e embrulhando presentes: roupas, brinquedos, sapatos etc. Mais uma vez a amiga Lu, vai me dar a oportunidade de presentear algumas crianças neste Natal, desta vez serão crianças da FACC (Fraternidade Assistencial Casa do Caminho). Eu e as meninas, escolhemos só meninas, para facilitar nosso trabalho e até para repassar algumas roupas delas (em bom estado) para complementar o presente. As meninas prepararam os cartões de Natal e me ajudaram a escolher alguns ítens como escova de cabelo, shampoo e os brinquedos. Aproveitei e sugeri que elas pensassem no que elas poderiam dar dos brinquedos delas para complementar o presente, pois aqui em casa já temos o costume de uma repassar o brinquedo para a irmã conforme for crescendo. No início queriam dar apenas as bonecas pequenas que elas ganham em lembrancinhas ou como brinde do Mac Donald`s. Respondi que as crianças iriam curtir aquelas bonecas, mas que com certeza gostariam mais se fosse uma boneca maior, sugeri a “Barbie”. “Mãe, a Barbie não. A Barbie é nossa!”. Contamos quantas Barbies elas tinham, total… tenho até vergonha de dizer, mas imaginem quantas Barbies, 3 meninas podem ganhar ao longo de seus 3,4 e 6 anos de idade…pois é…muitas. Bom, o fato é que sofreram ao escolher qual Barbie seria dada ás nossas amiguinhas secretas e assim que cada uma fez a escolha, dei-lhes um beijo e as elogiei: “Estou muito orgulhosa de vocês! Com certeza, as meninas que receberão estas Barbies irão cuidar direitinho delas.” Elas ficaram orgulhosas daquele elogio e eu mais feliz por estar plantando algo bom no coraçãozinho delas.

Check-list

18 Nov

Acabei de ler uma matéria no site da Época sobre os benefícios de seguir o famoso check-list. Adoooro estas listinhas to do, vício dos meus tempos de Eventos, que mantenho vivo no meu dia a dia tumultuado. É um grande salva-memória e exige disciplina para que nada seja esquecido e para que eu possa eleger as prioridades. Também acho importante não ficar neurótico em seguir a lista, pois ela existe para ajudar e não martirizar.

Eu sempre usei os caderninhos para montar meu check-list, mas nestes tempos modernos, tentei passar a minha lista para o celular, mas confesso que não consegui, ora a bateria acabava, ora o sincronismo esquecia de sincronizar, enfim, tico e teco não se falaram no check-list. Voltei para o meu bom e arcaico caderninho, pois afinal de contas quero praticidade e simplicidade. No mesmo caderno, tenho 2 listas uma de longo prazo e outra de curto prazo e sempre as mantenho atualizadas por ordem de prioridade.

Algumas dicas de como montar uma lista eficaz:


Fonte: Listas que Salvam, Revista Época

Gentemm, ando correndo tanto!

17 Nov

Amanhã é BDay do maridão e estou correndo para “aprontar” uma surpresa para ele. Como ele é mais ocupado que eu, com certeza não vai ler este post, aliás, nem sei se ele lê o meu blog… Rarara. No sábado, iremos passar o dia com a turminha de sala da minha filha mais velha em um sítio, é a nossa festa de fim de ano. Acharam cedo? E o que vcs me dizem sobre as árvores de panetones nos supermercados, do velhinho gordinho dando sopa nos corredores do shopping, da 25 de março lotada de gente comprando presentes (já estive lá tbém). É gentemm, está todo mundo correndo. Aliás, eu sou assim, vai chegando a época de fim de ano que saio correndo para resolver tudo: reforma de casa, arrumação do armário, visita aos médicos, doação de coisas, ah… lembrei que preciso fazer a inspeção veicular também! Eu tenho a sensação de que preciso deixar tudo em perfeita ordem e harmonia para poder entrar bem no ano seguinte. As meninas também já entraram no clima, começaram a preparar cartões de Natal para as crianças das instituições que escolhemos presentear. E vamos que vamos, pois quem fica parado é poste, como diz o Macaco Simão!

Uma estrelinha valente. Parabéns filha!

9 Nov

Algumas lágrimas escorreram, quando vi minha menina de 6 anos, em cima do palco falando pausadamente em alto e bom tom para uma platéia de 80 pessoas. É muito lindo ver tamanha coragem, para uma menina que na maioria das vezes se esconde de vergonha no elevador quando algum vizinho a cumprimenta. Eu sei os fantasmas que ela enfrentou para estar naquele lugar, com aquele estado de espírito e com aquela certeza. E se gaguejasse e se errasse o texto? Quem se importaria? Eu, a mãe? Nem um pouco. Mas ela não errou, nem ficou com a voz embargada de nervoso, encarou a platéia e sorriu ao final. Uma verdadeira estrelinha, linda, cheia de alegria nos olhos e muito orgulhosa por toda sua valentia.

Baladinha “Baby Boom”

7 Nov

O pai, publicitário e DJ, Fábio Maia percebeu a falta de opção cultural para os mais recentes pais que curtem ouvir boa música e dança e resolveu inovar, criou uma matinê alternativa para pais, filhos e roqueiros de todas as idades, a Baby Boom.
O evento já acontece desde 2010 no Rio de Janeiro e está na sua 5a edição. A versão paulistana do Baby Boom acontecerá na Vila Madalena, no Centro Cultural Rio Verde, no próximo domingo, dia 13.

Baby Boom – Edição Especial de Debut em Sampa :: Sweet ChildO’Mine!
Onde: Centro Cultural Rio Verde
Rua Belmiro Braga, 181 – Vila Madalena
Quando: 13/11 (domingo)
Horário: 17h-22h
Convite: R$ 20,00 – Crianças não pagam. Mas só entram acompanhadas pelos responsáveis.
Mais informações: Blog da loja Santa Paciência

Procura-se uma excelente mãe

7 Nov

Nos bate-papos com as mães da escola das minhas filhas, o assunto mãe x profissional sempre vem à tona. Mães que trabalham de 8 a mais horas por dia, mães que trabalham em casa, mães que não trabalham, a maioria não está 100% satisfeita em seu papel de mãe. Li uma matéria no site Crescer que resumidamente relata que nós mães, nos sentimos culpadas porque nas nossas cabeças o modelo de mãe é aquele que a mulher se dedica à casa e à cria, de maneira perfeita. Este esteriótipo é combinado com a carreira de sucesso, esposa linda e gostosa. Assim, nos sentimos sobrecarregadas e sem tempo para poder executar todos estes papéis e com perfeição. Perfeição. É isso que complica a nossa vida, pois esta palavra está fora do dicionário da mãe moderna. A gente não vai conseguir chegar sempre na apresentação dos pequenos com antecedência para que eles vejam que a gente está lá e o pior, podemos até perder o momento que eles começarem a andar. Mas, isso não nos diminui como mãe (apesar de ser o suficiente para nos deixar culpadas) e aquele momento por mais importante que possa parecer, pode ser muito bem preenchido por outro vivido intensamente e com muito prazer entre nós e eles.
As dicas para se amenizar esta culpa toda:
1- Esqueça essa coisa de perfeição, faça o seu melhor e procure ser excelente, não perfeita.
2- Seja flexível, seja no horário de trabalho (quando possível) ou na rotina.
3- Saiba delegar, peça ajuda para mãe, benzedeira, contrate secretárias do lar, motorista, tudo para facilitar a dinâmica do dia a dia.

Stickers mania

3 Nov

Este slideshow necessita de JavaScript.

Os stickers já deixaram de ser novidades, mas estes importados da Nova Zelândia, valem a pena a gente pedir para o amigo que for viajar por aqueles lados, trazer de montão. Além de dar um up no vizu do seu cantinho, estes stickers são ótimos para incentivar a criatividade das crianças. São adesivos que vc coloca na parede e depois descola e coloca em outro lugar. Dá para fazer um monte de combinações e o mais legal, diverte qualquer criança de qualquer idade, inclusive a minha.

De olho no site: Sticky Tiki

peel it, stick it, remove it, wipe it, restick it, move it, rearrange it, play with it..use it, Love it