Sem padrinho

31 Maio

Minha Tererê está sem padrinho há uns 5anos e vira e mexe ela pergunta sobre ele e por que ele não aparece mais para vê-la. Na verdade, desde quando ele se separou da madrinha dela que é nossa “parenta”, rompeu-se todos os laços e qualquer esperança que o vínculo selado naquele ritual do batismo se mantivesse após a separação. Triste, não? Sinto pela minha pequena que vê as fotos da infância e se questiona por que o padrinho não quis mais saber dela? Sempre respondo que ele deve estar viajando ou até morando em outro país. “Será que ele morreu, mamãe?” pergunta Tererê. Pode ser, pode não ser, aliás nem sei o que responder a ela. Impotência total. Não julgo o padrinho, aliás estou aprendendo a não julgar. Isso é apenas um desabafo de mãe que fica sem ação, nem respostas certas ao ver sua cria sofrendo com as coisas da vida.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: